carregando...

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

9 de abril de 2022

CCS - COORDENADORIA DE COMIUNICAÇÃO SOCIAL GABINETE SEMUSA

Casos positivos de Covid caem mais de 82% em março

Redução proporcionou a desobrigação do uso de máscaras

Os números de novos casos de coronavírus (Covid-19) caíram mais de 82% neste mês de março, em Ji-Paraná. A redução e a cobertura vacinal contra a doença proporcionaram que a Prefeitura de Ji-Paraná tornasse facultativo o uso de máscaras em ambientes abertos ou em locais fechados.

No período entre 15 de janeiro e 14 de fevereiro, a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) registrou 7.304 novos casos da doença. Já entre 15 de fevereiro e 14 de março, Ji-Paraná teve 1.302 pessoas testando positivo para a Covid. A redução, se comparado com o recorte anterior, é de 82,17%.

Em março do ano passado, quando Ji-Paraná, até então, tinha atingido o pico de contaminação da doença, o município registrou com 3.969 novos casos e 126 óbitos. Em fevereiro de 2022, 13 pessoas perderam a vida em decorrência da Covid.  Em comparação com março de 2021, o número de casos positivos aumentou mais de 84%, porém o registro de óbitos diminuiu cerca de 90%.

Mais de 200 mil doses das vacinas contra a Covid já foram aplicadas em Ji-Paraná, sendo que cerca de 96 mil pessoas receberam, ao menos, a primeira dose, representando 90% população com mais de 12 anos, conforme a estimativa populacional do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

“Tivemos um aumento considerável no primeiro trimestre de 2022, o que pode ser associado às festas de Fim de Ano. Agora, os casos começaram a baixar e, com a alta cobertura vacinal, também estamos com a queda nos registros de óbitos em decorrência da Covid”, explicou Wanessa Oliveira e Silva, secretária de Saúde de Ji-Paraná.

Com base nesses dados, o Prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca, assinou o Decreto Municipal nº 1.270, desobrigando a necessidade de máscara em ambientes abertos e fechados. A medida entrou em vigor na segunda-feira (14), com validade em todo o território do município.

“Ji-Paraná superou a marca de 200 mil doses aplicadas e o número de casos também está em queda. Com base nesses indicadores, foi possível desobrigar o uso da máscara, tornando o uso opcional”, declarou Isaú Fonseca.