carregando...

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

5 de agosto de 2022

CCS - COORDENADORIA DE COMIUNICAÇÃO SOCIAL GABINETE SEMAD

Adequação salarial dos servidores efetivos é aprovada em 1º turno

Nova votação será realizada na próxima terça, em sessão da CMJP

O Projeto de Lei Nº. 3.132, do Poder Executivo, que concede a adequação salarial aos servidores efetivos do município, foi aprovada por unanimidade pelos vereadores presentes na 22ª Sessão Ordinária, realizada nesta quinta-feira (4), na Câmara Municipal de Ji-Paraná (CMJP). Com a mudança, o salário-base dos servidores da Prefeitura de Ji-Paraná passa de R$ 938,32 para R$ 1.212. Uma nova votação deverá ocorrer na próxima sessão da CMJP, na terça-feira (9).

A votação do projeto foi aprovada com 13 votos favoráveis e quatro ausências. De acordo com o secretário de Administração de Ji-Paraná, Jônatas França, o benefício irá atender a todos os servidores efetivos que tenham vencimento-base abaixo do valor do Salário Mínimo Nacional.

“Vivemos um dia histórico, com a valorização dos servidores que há muitos anos aguardavam por essa readequação salarial. A gestão do Prefeito Isaú Fonseca dá mais um passo na valorização dos servidores, garantindo que ninguém ganhe menos do que o salário mínimo”, garantiu Jônatas França.

Durante a ordinária desta quinta-feira, os vereadores também aprovaram, com nove votos favoráveis, quatro contrários e quatro ausentes, o Projeto de Lei Nº 3.131, que trata do reajuste da Função Gratificada (FG) de diretores, vice-diretores e secretários das escolas municipais, além da adequação de cargos comissionados em diversas pastas da Administração Municipal, em especial na Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp).

Os dois projetos de lei devem retornar à CMJP, na próxima terça-feira, para a votação em segundo turno. Se aprovados, os projetos passam para a sanção do Prefeito Isaú Fonseca e a previsão é de que os benefícios entrem em vigor ainda na folha de pagamento referente ao mês de agosto.

“A adequação irá beneficiar cerca de 800 servidores efetivos e movimentar mais de R$ 500 mil mensais na economia de Ji-Paraná. Além do reajuste da FG dos diretores, vices e secretários, mais uma vez mostrando a valorização dos profissionais da Educação”, afirmou Isaú Fonseca.